Please wait while JT SlideShow is loading images...
Rota das Catedrais
 

Faixa publicitária
Bragança: 15.º Aniversário da Dedicação da Sé

No âmbito do 15.º aniversário da dedicação da Catedral de Bragança, o pólo do Porto da Universidade Católica P...

Funchal: Ano Jubilar dos 500 Anos da Dedicação da Sé

Teve início no dia 18 de Outubro o Ano Jubilar dos 500 anos da Dedicação da Sé do Funchal com uma solene concelebr...

Santarém: abertas inscrições para Schola Cantorum da Catedral

Vila Real: Festival Anual Permanente – VI Concerto

O Festival Anual Permanente do Grande Órgão Sinfónico da Catedral de Vila Real...

Santarém: encerramento da série "Recitais de Órgão 2016”

A Catedral de Santarém recebe, no próximo dia 18 de Setembro, Domingo, pelas 16h00, o concerto «Música sacra para...

Porto: Bispo convida diocese para a celebração da Dedicação da Catedral

O bispo do Porto convida toda a diocese para reunir-se, no próximo dia 9 de Setembro, “à volta do mesmo altar” n...

 
Destaques Silves: Intervenção no Portal Principal
 
Silves: Intervenção no Portal Principal

Foi recentemente aprovada uma candidatura que vai permitir a “Intervenção de Conservação e Restauro no Portal Principal” da Sé de Silves.

 

A candidatura foi apresentada pela Direcção Regional da Cultura do Algarve (DRCAlg), no âmbito de um conjunto de projetos que esta candidatou ao Plano Operacional CRESC Algarve 2020, que prevê investimentos destinados a conservação, protecção, promoção e desenvolvimento do património cultural e natural.

 

As acções a desenvolver representam um investimento total superior a quatro milhões de euros e serão realizadas também no Castelo de Paderne, nos Monumentos Megalíticos de Alcalar, nas Ruínas Romanas de Milreu e na Fortaleza de Sagres.

«Cientes que as necessidades ultrapassam sempre as disponibilidades, temos vindo anualmente a harmonizar as necessidades de intervenção no património e a identificar prioridades, certos de que a competitividade do território do Algarve está também relacionada com os recursos culturais e patrimoniais, e com a capacidade das várias entidades públicas criarem sinergias de investimento nestes domínios», afirma a DRCAlg.




Fonte: Terra Ruiva -
Jornal do Concelho de Silves